Estruturas lineares podem ser identificadas através da união de ferramentas de geoprocessamento com imagens geradas por sensoriamento remoto. No presente tutorial iremos mostrar os passos a serem seguidos no QGIS 2.14, para obtenção de uma camada vetorial do tipo shapefile, que irá  conter  lineamentos de uma área vetorizados.

O primeiro passo é a obtenção das imagens do modelo digital de elevação (MDE) a partir do site EarthExplorer. Para a obtenção das mesmas é necessário fazer o login no site, sendo o cadastro de fácil realização.  A área de pesquisa de interesse poderá ser localizada utilizando a barra de ferramentas localizada no lado esquerdo da tela (Figura 1).

1Figura 1. Seleção da área de pesquisa no site Earth Explore – USGS.

Feito isso clique em “Data Sets” e selecione a opção localizada na aba “Digital Elevation” – “SRTM” – “SRTM 1 Arc-Second-Global“, que consiste em uma imagem com pixel de resolução de 30m (Figura 2). Uma vez selecionada a opção clique em “Results“.

2_data_setsFigura 2. Seleção da imagem SRTM entre as opções de imagens disponíveis para download.

Uma nova aba contendo os “Search Results” será aberta com as imagens que cobrem a área (Figura 3).

4-resultsFigura 3. Resultado da busca das imagens disponíveis que recobrem a área de interesse.

Para baixar a imagem clique em 3-download-botaoDownload Options, selecione a opção “GeoTIFF 1 GeoTIFF 1 Arc-second” (Figura 4) e o download da imagem iniciará (faça isso para a todas as imagens da lista que cobrem a região).

5_geotiffFigura 4. Opções disponíveis para download da imagens SRTM.

Antes de iniciarmos o processamento das imagens abra o “QGIS Desktop 2.14”. Na barra de menus clique em Projeto/Novo…, configure o Sistema de Referência de Coordenadas (SRC) e salve o projeto. Para selecionar o SRC, na barra de menus clique em Projeto/Propriedades do projeto… (Figura 5).

5Figura 5. Caminho até a janela de propriedades do projeto.

A janela das propriedade do projeto será aberta, na aba SRC, selecione a opção “habilitar transformação dinâmica” e em “filtro” e busque pelo SRC desejado. Para efetivar a ação clique em “OK” (Figura 6).

6_projetoFigura 6. Janela de propriedades do projeto.

Para salvar o projeto clique na barra de menus em: Projeto/Salvar como… (Figura 7), e salve-o, dentro da pasta de seu interesse.

7Figura 7. Salvando o projeto através da barra de menu.

Através do ícone  rasterabra as imagens salvas na pasta raster. Ao abrir as imagens podemos observar, clicando com o botão direito sobre a camada na opção “Propriedades da camada” na aba “Geral”, que a camada está salva em coordenadas geográficas, nesse caso WGS84. Uma vez carregadas as imagens é necessário uni-las em uma só camada para isso vá na opção Raster/Miscelânia/Mosaico…(Figura 8).

8Figura 8. Criação de um “Mosaico” de camadas raster através da ferramentas “Miscelania”.

No arquivo de entrada selecione todas as imagens a serem unidas e no arquivo de saída selecione a pasta que deseja salvar a imagem que será gerada (Figura 9). 

9Figura 9. Janela de configuração do Mosaico.

Agora vamos reprojetar nossa imagem para projeção Universal Transversa de Mercator (UTM). Clicando sobre a camada com o botão direito, selecione a opção “Salvar como” (Figura 10).

10Figura 10. Caminho até a janela de opção “Salvar camada vetorial como”.

Uma nova janela irá abrir na qual podemos escolher manter na opção “formato” a opção Gtiff. Na aba “salvar como” selecione a pasta de saída e coloque o nome desejado para o arquivo. Na aba “SRC” coloque o SRC com o datum (por exemplo: WGS 84/UTM zone 22S) e clique em “OK”. Remova a camada anterior e confirme se o SRC do seu projeto é o mesmo da camada que acabou de ser salva (Figura 11).

11Figura 11. Salvando a camada “lineamentos” no projeção UTM.

Para gerarmos o modelo sombreado da camada raster criada devemos ir na barra de menus em: Raster/Análise/MDE(Modelos de Terreno)…. Na opção “Arquivo de entrada (MDE raster)” selecione a camada salva em utm e na opção “Arquivo de saída” selecione a pasta desejada e digite o nome do arquivo (sugiro que seja sombreamento_45_45), 45 sendo o valor escolhido para o valor do azimute de insolação e para a atitude de insolação (Figura 12). No modo de opções podemos escolher o fator z (exagero vertical), escala (razão entre a unidade vertical e horizontal), azimute de insolação e atitude de insolação da forma que mais se adéqua ao seu interesse e área de estudo, segue uma dica para a definição do azimute de insolação: Wise et al. (1985) sugere que o relevo é mais claramente visualizado quando iluminado a partir de uma direção ortogonal à tendência principal de lineamentos. Feito isso clique em “OK” e caso o modelo não apareça automaticamente adicione o mesmo que está salva na pasta raster.

12Figura 12. Camada de sombreamento gerada a partir do MDE.

Criação de uma Camada vetorial de Lineamentos

Agora iremos criar uma camada onde serão vetorizados os lineamentos, para isso clique em Camada/Criar camada/Shapefile…. Uma nova janela será aberta, na opção “Tipo” selecione linha e coloque o SRC do seu projeto (por exemplo: WGS 84/UTM zone 22S) e clique em OK. Salve na pasta desejada, com o nome sugerido de “lineamentos_45_45”.

13Figura 13. Criando a camada shapefile “lineamentos”.

Após criada a camada, clique na barra de ferramentas editar “Alternar edição” e em add-vetor ”Adicionar feição” para iniciar a vetorização dos lineamentos. Após finalizar, clique em salvar “Salvar as edições na camada” (Figura 14).

14Figura 14. Resultado final camada de lineamentos vetorizados utilizando como referência a camada de sombreamento.

  • Luciano Cardone

    Boa tarde, Leila! Preciso fazer um mapa de densidade de lineamentos, já tentei de várias formas, todas sem êxito, podes me ajudar nisso? E outra dúvida no post que tu criaste a respeito da geração de diagrama de roseta para esses mesmos lineamentos, é possível editar o diagrama? Grato pela atenção,
    Luciano Cardone

  • Leila Carolina Amaral

    Olá Luciano, irei fazer uma apresentação no próximo simpósio Sul brasileiro sobre densidade de fraturas, creio que seja isso que você esteja procurando… Posso lhe enviar o banner e qualquer outra dúvida pode me mandar um email no leila@qgisbrasil.org, pedindo essas informações e assim também fico com seu contato. Abs.